As tendências para medicina preventiva e segurança do trabalho

Atualmente o número de trabalhadores que exerce atividades no mercado com carteira assinada e que são submetidos a exames e avaliações da medicina preventiva ocupacional chega a 50 milhões de pessoas. Os métodos para aplicação desses exames sofrem constante aperfeiçoamento, já que de tempo em tempo novas necessidades surgem e os investimentos para a prevenção de doenças ocupacionais são cada vez maiores, resultando em novas tendências para medicina preventiva e para segurança do trabalho.

 

Falando ainda sobre o aperfeiçoamento dos métodos para atender aos trabalhadores de diversos setores, podemos considerar também que as empresas, cada vez mais, buscarão os benefícios da medicina preventiva ocupacional e segurança do trabalho, com o objetivo de evitar a baixa de produtividade, muitas vezes, ocasionada por doenças e acidentes. Os exames clínicos e complementares são fundamentais para uma avaliação criteriosa da saúde dos trabalhadores e, também, auxiliam na identificação de possíveis doenças ocupacionais.

 

A medicina preventiva e segurança do trabalho, quando realizada por profissionais especializados e capacitados, torna-se um mecanismo que contribui para uma melhor qualidade de vida e o bem-estar dos trabalhadores, beneficiando também a produtividade da mão de obra nas empresas.

 

Conheça abaixo as principais tendências para medicina preventiva e tendências para a segurança do trabalho em 2019:

 

Sistema de Gestão

Este sistema tem por objetivo atender as exigências da legislação e implantar uma política de gestão de riscos para controlar os possíveis problemas relacionados à atividade laboral, e é uma grande tendência para medicina preventiva e tendência para segurança do trabalho.

 

Uma das ferramentas que devem ser implantadas para promover o controle das operações é a padronização dos procedimentos administrativos relativos a saúde ocupacional. Esses documentos garantem uniformidade das atividades e refletem o nível adequado de organização de uma instituição.

 

O Safety Gestão de Saúde, por exemplo, é uma ferramenta facilitadora para o dia a dia de gestores que precisam ter informações da saúde dos seus colaboradores e terceiros, para a execução de tarefas com riscos. E também para que deseja realizar ações de medicina preventiva corporativa.

 

É um sistema de gestão poderoso, que garante às autoridades trabalhistas o cumprimento das Normas Regulamentadoras, além de ser uma ferramenta de controle e gestão. Através da interface amigável e intuitiva do sistema Safety, o profissional de segurança do trabalho ou medicina preventiva, pode saber o estado de saúde de um colaborador em tempo real, e receber estas informações por notificações via e-mail, SMS ou diretamente no aplicativo do celular. Assim, a tomada de decisões pode ser mais rápida e assertiva.

 

Uma empresa que se preocupa com a saúde de seus trabalhadores e atenta a legislação trabalhista tem a sua reputação idônea reconhecida. Portanto, uma gestão ocupacional eficiente na medicina do trabalho reflete maior cuidado com os trabalhadores.

Prontuário Online

Neste caso, os dados são armazenados virtualmente e protegidos por sistemas especializados com alto teor de segurança. Os prontuários online dos colaboradores são uma das grandes tendências para medicina preventiva na área da saúde e para os profissionais que atuam na área de medicina ocupacional. Além de manter todos os dados, laudos, diagnósticos e consultas realizadas do paciente, este tipo de sistema permite que as informações sejam acessadas de maneira remota. Além de ser uma tendência para medicina preventiva, é uma grande otimização de tempo e espaço.

 

A diferença é que os softwares mais modernos devem aumentar a capacidade de captação dos dados, incluindo também informações de produtividade, agenda, custo e outros tipos de procedimentos. O Safety, por exemplo, reúne grande parte das informações relacionados a Saúde e Segurança do Trabalho exigidas pelo eSocial. Além de armazenar informações sobre os funcionários, o Safety também comunica acidentes de trabalho e diversas informações sobre o colaborar em tempo real e de maneira remota.

 

Unidades Móveis

O atendimento nas empresas pode ser facilmente ampliado com unidades móveis de saúde, que são clínicas completas sob rodas. Estas unidades se deslocam até o local de atendimento, com médicos e profissionais necessários para o atendimento.

 

As clínicas de medicina ocupacional são adaptadas em veículos de médio e grande porte, que podem oferecer todas as modalidades de exames necessárias às instituições que contratam o serviço, como exames admissionais, demissionais, complementares e periódicos. Além de ampliar o atendimento para os profissionais, a utilização de automóveis promove o acesso linear dos trabalhadores aos serviços oferecidos pela empresa.

Levantamento de indicadores de produtividade

Parece uma atividade simples, mas muitas empresas ainda não estão atentas a esta tendência para segurança do trabalho. Conhecer os principais indicadores da empresa é importante para estabelecer metas em médio e longo prazo. Principais causas de afastamento, percentual e tipo de acidentes de trabalho, treinamento sobre riscos ambientais, análise de pureza da água, nível de satisfação com o ambiente de trabalho são exemplos de indicadores que devem ser analisados periodicamente.

 

Estes indicadores devem ser agrupados de acordo com os setores envolvidos e a necessidade de implantação. Assim, fica mais fácil de saber que o aumento de casos de doenças respiratórias em ambiente de pouca circulação deve ser tratado mais urgentemente do que a insatisfação com a comida servida no restaurante, por exemplo. A partir dessas informações é possível estipular metas gerenciais e operacionais para sanar as principais não conformidades e garantir a produtividade dos setores.

Cipa Online

Nós sabemos que a CIPA, que é regulamentada pela Norma Reguladora nº 5, não é uma tendência, mas sim uma obrigação de todas as empresas regidas pela Consolidação das Leis de Trabalho, a CLT. Ela é formada por representantes do empregador e dos empregados e, por isso, é possível discutir e propor melhorias para a segurança do trabalho. O modelo de votação online através de softwares, dá mais credibilidade para a escolha desses representantes, agiliza os processos e faz com que a divulgação dos resultados seja democrática.

 

Gostou do nosso conteúdo? Então compartilhe-o em suas redes sociais para que mais pessoas também aprendam sobre as tendências para medicina preventiva e tendências para segurança do trabalho. Até a próxima!

 

Fontes:

Fórum de Saúde Digital

Healthcare