processos de liderança

Como desenvolver os processos de liderança na empresa

Com um mercado de trabalho cada vez mais plural e diverso, uma empresa que busca integração e reconhecimento necessita ter processos de liderança bem estabelecidos e de excelência. O perfil e preparo dos profissionais que atuam como líderes, bem como a integração deles com os valores da empresa, impacta diretamente no clima organizacional e nos resultados. Mas afinal, como estabelecer bons processos de liderança? 

É comum vermos equipe mobilizadas e que possuem alto índice de produtividade graças a forma de agir de seus líderes. Mas o contrário também ocorre e muitas vezes só é percebido quando está num estágio grave de resultados negativos ou de rompimento entre as relações de trabalho. 

A importância de manter processos de liderança planejados e em constante desenvolvimento ocorre exatamente para evitar crises internas e valorizar a participação de todos os colaboradores na construção de uma organização com uma missão bem estabelecida e compactuada por todos.  Foi-se o tempo que líderes tinham um perfil mais autoritário e distante dos funcionários. Muitos gestores nem se preocupavam com o clima organizacional, com o único objetivo de atingir maior lucro possível para bater as metas e cumprir o resultado esperado naquele período. Hoje percebemos que esse quadro vem sofrendo modificações, e as organizações estão presenciando uma necessidade de estabelecer processos de liderança cada vez mais focados no bem-estar e motivação dos funcionários. Mais do que isso, verifica-se que uma organização só conquista espaço no mundo corporativo com uma participação ativa dos seus funcionários nesse processo de crescimento. 

Leia também: 4 maneiras de crescer na carreira sem se tornar um gerente

Pensando nessas mudanças nos papéis dos gestores, separamos abaixo quatro dicas para desenvolver processos de liderança na sua empresa: 

Trace estratégias e ações contínuas

Para conseguir um desenvolvimento constante e eficaz de processos de liderança é fundamental identificar as demandas presentes dos funcionários, bem como diagnosticar gestões que estão dando certo e as que estão apresentando alguma deficiência. 

processos de liderança

Assumir que sua empresa precisa repensar a estratégia de gestão é o primeiro passo para estar aberto a uma reformulação nos processos de liderança. É preciso ter objetivos claros dos perfis de líderes esperados, estabelecendo uma série de ações contínuas que vão contribuir para a identificação de qualidades esperadas, bem como os critérios para reconhecer possíveis líderes no seu quadro de funcionários. Existem diferentes estilos de liderança e cada área da sua empresa pode ter necessidade de um estilo próprio. Por exemplo, se você trabalha com vendas, possivelmente a área relacionada a captação de clientes precisará de um gestor que motive e promova a empatia, buscando sempre um resultado com conversões positivas. O líder precisa ter habilidade de socialização do grupo, para manter um equilíbrio entre as funções dessa área. 

Leia também: A Pirâmide de Maslow aplicada ao seu negócio e a gestão de pessoas

Permita a participação de todos

Toda empresa que pretende ter processos de liderança qualificados e contínuos necessita promover a participação coletiva. Para isso é fundamental ter líderes capazes de reconhecer a opinião de todos, sendo acessíveis, carismáticos, sabendo valorizar as qualidades de cada liderado, reconhecendo, também, que todos possuem dificuldades e nelas podem surgir desafios promissores. 

processos de liderança

Líderes ouvintes e presentes são necessários para se conseguir construir uma relação de confiança e engajamento de cada funcionário com a empresa. É imprescindível manter seus colaboradores sempre motivados, compreendendo as demandas necessárias, buscando sempre promover um ambiente de trabalho agradável, dando e recebendo feedbacks, mantendo um clima de cooperação e confiança. 

Outro ponto positivo de manter processos de liderança que visem a participação coletiva é que você se torna mais propenso a identificar possíveis líderes em potencial. Quanto mais o colaborador se sentir pertencente, engajado e motivado, mais chances de ele querer crescer e alcançar postos maiores. E nada melhor para criar um clima organizacional positivo do que promovendo funcionários.  

Autoconhecimento e autocontrole

Quem nunca viu um líder perdendo totalmente o controle emocional quando algo saiu do esperado? Muitas dessas ações podem acabar acarretando em situações ainda maiores, como de abusos e assédios morais. Trabalhar em equipe é sempre uma surpresa diária e estamos propensos a enfrentar dificuldades e ações que não deram o resultado que esperávamos. Afinal somos humanos, cometemos erros e, muitas vezes, nossos resultados estão sujeitos a aspectos externos e que não dependem apenas de nós. 

processos de liderança

Ao pensar nos processos de liderança do seu negócio priorize capacitar seus gestores visando o autoconhecimento e autocontrole. Eles precisam ter inteligência emocional, reconhecendo sempre suas fraquezas e aprendendo diariamente a lidar com elas. Assumir erros e mostrar para seus funcionários diretos que você também pode cometer equívocos é um ponto positivo para conseguir manter um elo. Não conseguimos agradar a todos e trabalhar com pessoas é ter que, diariamente, lidar com diferentes questões, sejam elas profissionais ou não. Um bom líder precisa trabalhar seus impulsos prejudiciais e demonstrações de descontrole emocional. 

Nenhuma equipe se mantém ativa e confiante quando vê no seu gestor insegurança e pânico em momentos críticos. É preciso pensar antes de agir e tentar transparecer ao máximo que todos os problemas possuem alguma solução, basta correr atrás e manter o equilíbrio. Não esqueça que um líder é um exemplo a ser seguido. Falaremos um pouco mais sobre isso no último tópico abaixo. 

Leia também: Inovação no RH? Não se confunda, comece por aqui

Construa lideranças exemplos

Bons processos de liderança têm como consequência líderes que são exemplos tanto para a empresa, como para os liderados. Um problema muito comum nas equipes é ter gestores que não possuem nenhum conhecimento de todo o processo produtivo da área em que atua. É claro que não precisamos ter um gestor que saiba fazer na prática o que cada um dos seus colaboradores faz. Ser um líder exemplo significa executar todas as suas tarefas com eficiência e qualidade, sabendo apresentar e explicar como ocorre todo o processo de produção da sua equipe. 

processos de liderança

Uma pergunta básica para saber se você está sendo um exemplo para seus funcionários é se questionar se você sabe tudo que eles executam e como funciona o processo de trabalho deles. Outra pergunta que você deve se fazer é se você transparece acreditar na missão e valores da empresa, bem como motivação e felicidade por estar ali. Um gestor que demonstra estar insatisfeito com algo e não faz nada para mudar, possivelmente terá uma equipe insatisfeita e desmotivada. 

Como você percebeu, estabelecer processos de liderança otimizados para a sua empresa envolvem diferentes aspectos. É preciso construir uma cultura de engajamento e reconhecimento de qualidades dos seus colaboradores. Tenha líderes que inspirem e lutem por um clima positivo entre todos. 

Não deixe de compartilhar essa publicação nas suas redes sociais e ajude mais empresas a planejarem seus processos de liderança!