Conheça os 7 principais Indicadores de RH e saiba como analisá-los

Antes de mais nada, é importante você saber que os indicadores de RH são instrumentos utilizados para monitorar e avaliar a empresa usando como meio os seus colaboradores, processos, programas e, sobretudo, suas metas. Seus objetivos são dois e bastante claros: o primeiro é descrever as circunstâncias atuais, no que diz respeito à empresa e o segundo é oferecer condições para uma conjuntura mais detalhada, visando uma análise minuciosa dessa circunstância, capaz de identificar possíveis problemas, fraquezas ou desvios que necessitem de correção.

Portanto, para alcançar esses objetivos, é preciso contar com bons indicadores de RH, diferenciais que devem ser aplicados de forma estratégica quando falamos em gestão de pessoas. Neste texto, vamos te ajudar a identificar quais são os principais indicadores de RH e como eles devem ser analisadas. Continue lendo:

1 – Absenteísmo

Absenteísmo é o nome dado para a ausência do profissional ao trabalho, seja por qualquer motivo. Esse indicador de RH revela a taxa de faltas e atrasos em relação ao total de horas que os profissionais deveriam realizar suas atividades. Parece um indicador pequeno, mas é por meio do índice de absenteísmo que é possível identificar uma série de problemas, tais como saúde ocupacional, desmotivação, condições do ambiente de trabalho, possíveis conflitos nas equipes entre outras situações.

Acompanhar o índice de absenteísmo é importante para qualquer empresa, isso porque um alto índice de faltas e atrasos é sinal de que algo está errado com a gestão dos funcionários. Todo funcionário tende a dar sinais de que está desmotivado e, entre esses sinais, estão os constantes atrasos e faltas.

2 – Taxa de rotatividade ou turnover 

Esse Indicador de RH informa a quantidade de colaboradores que saem e que entram na empresa.

A taxa de rotatividade é calculada tomando-se o número de funcionários que deixam a empresa durante um período especificado e dividindo-o pelo número médio de funcionários durante o mesmo período e multiplicando-a por 100. Quando focada em um grupo-alvo, como, por exemplo, os funcionários de alto desempenho, essa métrica tem a possibilidade de oferecer dados sobre a atratividade da empresa em relação à concorrência.

Leia também: O que é necessário para alcançar a produtividade na empresa?

3 – Tempo médio de produtividade

 Esse é um dos indicadores de RH que informa o número médio de dias para produtividade satisfatória de um funcionário. O tempo até a produtividade é calculado considerando-se o número de dias entre a data de início do novo funcionário e o ponto em que ele alcança a produtividade satisfatória.

Essa métrica é um indicador vital do desempenho do seu programa de integração. Além disso, os resultados podem ser uma indicação da qualidade de seu processo de recrutamento e da condição dos candidatos que você está atraindo.

4 – Modelo de colaboradores

 O modelo de colaboradores, ou também conhecido como headcount, é baseado no número de colaboradores presentes em uma empresa. Ou seja, conforme nota-se um crescimento no número de colaboradores, é possível visualizar um ponto positivo na empresa, em que, a partir disso, caminha para um movimento mais seguro e com melhores resultados.

Porém, a queda de colaboradores pode trazer um prejuízo indesejável para a empresa, ressaltando fatores preocupantes que irão necessitar de ajustes para que haja uma melhoria.

5 – Treinamento de equipe

 O modelo de treinamento, dentro todos os outros indicadores de RH, tem um impacto muito grande no diagnóstico geral da empresa, pois o investimento em treinamentos faz com que a empresa se cobre para sempre estar atenta e atualizada sobre a forma de como treinar seus funcionários. Sabemos que o treinamento é considerado essencial para uma realização bem-feita e organizada das tarefas designadas e, portanto, deve ser uma das ações mais importantes durante a contratação e atuação de seus já funcionários.

Contudo, o sucesso de uma equipe de Recursos Humanos e de uma organização, que tem seu foco na produtividade e, consequentemente, no desenvolvimento de seus funcionários, está completamente relacionado com o investimento dos líderes em suas equipes.

6 – Vagas não preenchidas no prazo determinado

 Algumas empresas como call centers terceirizados e outros negócios que sempre tem uma grande necessidade de mão de obra como construção civil, por exemplo, estão sempre com vagas abertas. É importante que o RH abasteça a empresa com novos colaboradores dentro de um prazo estabelecido. E um dos indicadores de gestão de recursos humanos usado para avaliar a eficiência desse processo é a taxa de vagas não preenchidas no prazo.

7 – Benefícios

 Além do salário oferecido, um bom programa de benefícios pode contribuir com a atração e retenção de talentos, reduzindo os custos e tornando a empresa mais produtiva e competitiva. Os benefícios ajudam a satisfazer as necessidades dos colaboradores, buscando resultados e motivações.

Por isso, é importante que a empresa acompanhe o custo per capita dos benefícios oferecidos. O valor médio deles pode ser comparado à média de mercado e de empresas concorrentes. Desse modo, é possível identificar se a sua companhia está muito acima ou abaixo do valor praticado, tendo uma base confiável para realizar os ajustes necessários.

É importante entender que o auxílio de soluções digitais e automação de processos são ferramentas muito importantes para a análise de indicadores de RH. Boas ferramentas expandem a quantidade de dados que os profissionais conseguem acompanhar e facilitam o cruzamento de informações. Quando você passa a entender a importância de indicadores de RH e do uso da tecnologia para mensuração do desempenho da empresa, fica mais fácil criar estratégias que ajudem seu negócio a crescer cada vez mais.

Leia também: O que é People Analytics e como essa tendência vai transformar a Gestão de Pessoas da sua empresa

 Esperamos ter lhe ajudado a compreender o que é e a importância de conhecer os principais indicadores de RH. Não deixe de compartilhar esse texto nas suas redes sociais e auxilie mais pessoas no assunto. Até a próxima!